domingo, 25 de maio de 2014

Medo do mesmo.

Sou o eu no outro, o outro em mim.
Meu medo do outro só me mostra meu medo de mim. 
De me conhecer:
Reconhecer o que há de animal - em mim. 
Animalizar os outros - me sentir superior. 
Tão racionalmente tolo que não percebe: 
A fonte da que bebe é pura, mas não mata sua sede. 
Você não percebe: 
o maior defeito do outro é se parecer com você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário